• Valéria Moreira

"Chèque Numérique" Uma ótima notícia para as microempresas

O Governo havia anunciado assistência na digitalização de empresas do setor de restaurantes e eventos afetados pela crise.

Hoje, este benefício está aberto a todas às empresas, inclusive às microempresas!


O que é essa ajuda?


O cheque digital ou passe digital é uma mão amiga para empresas com necessidades digitais:


1. desenvolvimento de lojas online,

2. comunidade ou redes sociais,

3. software de gestão

4. etc..


Quem tem direito ao cheque digital?

Desde 7 de maio de 2021, todas as empresas (incluindo microempresas) são elegíveis para essa assistência, independentemente de sua categoria.


Quanto é essa ajuda?

O montante deste auxílio é de 500 euros.

Este montante é depositado diretamente na conta bancária após a validação do seu pedido.


Quais são as condições?

Para poder solicitar esta ajuda, você deve atender às seguintes condições:


1. Ter iniciado a atividade antes de 30 de outubro de 2020

2. Não ter dívidas fiscais ou sociais (USSRAF ou impostos)

3. Não estar em liquidação/encerramento da atividade no momento da aplicação

4. Não estar em um contrato de tempo integral, além de sua microempresa

Se você tem um funcionário esta última condição não se aplica.


Quais são as despesas levadas em conta?

O cheque digital cobre dois tipos de despesas:

1. Seus custos diretos em comunicação, promoções, vendas online (software, assinatura, anúncios)

2. Os provedores que trabalham com você na digitalização de sua microempresa

É preciso um mínimo de 450€ TTC de despesas espalhadas por um ou mais serviços/contas.


Custos diretos

Os softwares e serviços on-line levados em conta são aqueles cuja empresa esteja sediada na França ou na União Europeia.


Aqui estão alguns exemplos de despesas cobertas:

1. Criação de um site

2. Compra de um nome de domínio

3. Desenvolvimento de um site já existente

4. Soluções de pagamento online

5. Ferramentas de reserva e compromissos online

6. Software de gestão de ações

7. Software de caixa

8. Ferramentas de newsletter ou gerenciamento de e-mails


O valor total dessas despesas deve ser de pelo menos 450 euros TTC e o que foi feito entre 30 de outubro de 2020 e 30 de junho de 2021 (incluído).


Provedores

Se você contratou um provedor para trabalhar na digitalização de sua microempresa, você também pode se beneficiar dessa ajuda.


Alguns exemplos:

1. Um Community Manager para gerenciar suas redes sociais

2. Um microempreendedor para gerenciar seus anúncios no Facebook

3. Um microempreendedor que criou um logotipo para você

4. Aconselhamento ou diagnóstico, auditoria para digitalização

Por outro lado, seu provedor terá que ser referenciado, implementado pela Agência de Serviços e Pagamentos (a ser verificado por você!)


A fatura deve ter sido feita entre 30 de outubro de 2020 e 30 de junho de 2021 (incluído)


Despesas inelegíveis

Algumas despesas não podem ser cobertas porque o provedor não está estabelecido na França ou na União Europeia, como Calendly, Stripe, Slack, Trello, Typeform, Asana.


Além disso, as despesas inelegíveis incluem:

1. Compra de um computador (portátil ou não)

2. Adesivo nos carros

3. Cartões de visita

4. Materiais de Escritório, papelaria

5. Publicidade nas redes sociais

6. Publicidade Google


Como se inscrever?

Conecte-se no site cheque.francenum.gouv.fr

Em seguida, informe:

1. Número SIRET

2. Número de telefone

3. Seu endereço de e-mail



Uma vez na plataforma, você encontrará o campo "Beneficiário" 🔽

Informe:

👉 Seu último faturamento anual conhecido que corresponde a:

1. Seu CA 2020 se você criou a empresa antes de 2020

2. Seu faturamento anual de 2020 se você a criou em 2020. (Importante informar a média anual, considerando 1 ano completo)

👉 Se você tem um funcionário na sua microempresa.

Sabendo que como microempreendedor você é considerado um Trabalhador Não Remunerado (NST). Então 0 se você não contratar ninguém


Faturas

Você vai chegar a um campo que lhe pede as despesas. 🔽

Seleciona a natureza das despesas para cada fatura e mostra o valor em TTC

Faça o mesmo para a parte de suporte à transformação digital se você contratou uma consultoria.

Se você contratou um provedor para algo diferente de conselhos, mas sempre vinculando com a promoção ou comunicação de sua atividade é na primeira parte.


Documentos comprobatórios

Insira todas as faturas relacionadas às suas despesas verificando os valores e que venham de empresas localizadas na França.


Por fim, assinar a “Attestation sur l’honneur” e pronto! Basta aguardar que seu pedido seja validado para receber o reembolso de 500€!


Perguntas frequentes

Quando eu receberei esta ajuda do cheque digital?

Ele será pago 1 mês após a avaliação.

Receberei confirmação de aceitação ou rejeição do meu pedido?

Sim, ele é fornecido por e-mail, se o seu dossier for aceito, incompleto ou recusado

E se eu estivesse errado na aplicação?

Você não pode reaplicar, você tem que esperar que eles entrem em contato com você se seu dossier estiver incompleto

Qual o prazo para pedir esta ajuda?

O auxílio está aberto até 31 de julho de 2021

Cuidado, pois o serviço online podem fechar mais cedo se o orçamento governamental tiver sido esgotado

Há um número limitado de pedidos?

Sim, infelizmente neste caso primeiro que chegar é também o primeiro a ser servido. Mas atenção para não se precipitar e fazer o pedido de forma errado, tendo o risco de vê-lo bloqueado. Não é possível refazê-lo.

Tenho que reportá-lo aos impostos ou à URSSAF?

Não, você não tem que declarar isso para a URSSAF.

Eu sou um provedor, como posso ser referido e dar ajuda aos meus clientes?

Como primeiro passo, apenas os provedores que acompanham os clientes em missões de consultoria e auditoria relacionadas à digitalização de seus negócios devem ser referenciados.

As inscrições são feitas no site extranet.francenum.gouv.fr com as instruções para inscrição.



Para continuar sendo informado, abone-se à página Facebook ou contrate os serviços da Agence Me Voilà!


Valéria Moreira

+33 6 67 49 45 39

contact@agencemevoila.fr

Para te ajudar a ir mais longe


Fonte: La guilde des Micro, by Florian Carpentier.







Posts recentes

Ver tudo